• (11) 4210-8150
  • (21) 2042-8150

Dia Mundial do Backup: Os seus dados estão seguros?

Proteja o que é mais importante para a sua empresa

Em fevereiro desse ano, a empresa BITES Inteligência Analítica apresentou os Riscos Digitais 2019 em um evento organizado pela ESPM.

Entre os riscos apontados está a má gestão dos dados, explica o site Meio e Mensagem.

Para o sucesso de toda empresa e para a continuidade dos negócios, a competência em realizar backups diariamente e utilizar ferramentas profissionais tornaram-se mandatórios para a proteção dos dados.

Para manter a empresa segura no universo digital, proteja os seus dados implementando os cinco passos para Backup em Nuvem. Saiba como:

  1. Identifique o que é mais importante

Para proteger o que importa para o seu negócio identifique os seus principais ativos, como os servidores físicos e virtuais, aplicações como sistemas ERPs e CRMs, banco de dados, e-mail e arquivos.

Com ferramentas profissionais, você poderá selecionar as suas origens de backup, desde um arquivo específico até uma imagem completa do servidor.

Você poderá também agendar de forma automática as rotinas de backup incrementais que capturam somente os novos arquivos e as alterações recentes.

  1. Escolha um destino seguro

Seus dados precisam estar armazenados de forma segura em infraestrutura de data center e em outros dispositivos, como uma unidade de rede compartilhada ou um NAS local.

A sua empresa terá dupla proteção, com dados armazenados em data center fora da sua empresa e imunes aos ataques de ransomwares. Adicionalmente terá redundância para realizar restore na própria rede local (LAN), com taxa de transferência maior, diminuindo o tempo de RTO (Recovery Time Objetive). RTO é o período de tempo máximo desejado para recuperar os arquivos e restabelecer os sistemas.

  1. Automatize a sua operação

Não fique na dependência de processos manuais de backups que podem falhar por falta de processos e erros humanos.

Conte com funcionalidades avançadas com programação dos agendamentos de backup. Programe mais de um ponto de recuperação por dia, por exemplo, rotinas de backup de 6 em 6 horas para diminuir o seu parâmetro de RPO (Recovery Point Objetive). RPO é o período de tempo máximo aceitável antes de uma falha ou desastre durante o qual as alterações feitas aos dados podem ser perdidos como processo de uma recuperação.

  1. Gerencie seus backups

Utilize ferramentas com processos de monitoramento 24 X 7 e com validação das rotinas de backup com checksum. Se ocorrer um erro durante o processo ou se os dados do backup estiverem incompletos ou corrompidos, sua recuperação não será confiável.

Receba relatórios e logs das rotinas de backup diariamente, para confirmar que seus arquivos de backup estão seguros, protegidos e prontos para serem recuperados assim que você precisar deles.

  1. Conte com especialistas

Para evitar perdas indesejáveis de dados, selecione provedores de serviços de TI (MSPs) especializados em segurança da informação.

Profissionais capacitados em Backup em Nuvem irão atuar de forma pró-ativa para analisar com frequências o ambiente de TI e suas novas demandas, revisar capacidade de armazenamento e resolver incidentes pontuais com agilidade.

Assim a sua empresa poderá focar no negócio e delegar a responsabilidade pela gestão dos dados para especialistas.

Realize os backups com frequência, com armazenamento seguro em nuvem e com gestão pró-ativa de especialistas. Conte com as empresas parceiras da ArtBackup para elevar o nível de segurança da sua empresa.

Acesse o site oficial do Dia Mundial do Backup – https://www.worldbackupday.com/pt/ , contribua para o compromisso de tornar os dados das empresas mais protegidos no mundo digital.