• (19) 2042-2150
  • (11) 4210-8150

ISO 27.001: o que é, importância e como obter a certificação

 

pessoa clicando em tela com escrito iso 21001

A segurança da informação é um aspecto priorizado cada vez mais pelas corporações, principalmente pelo aumento da discussão sobre dados e pela vigência de legislações de regulamentação. Para a fortalecer a gestão e o monitoramento da proteção de informações, alguns parâmetros podem ser utilizados, como os da norma ISO 27.001

Para te ajudar a entender como funciona sua aplicabilidade em empresas, preparamos um guia completo sobre a ISO 27.001: o que é, benefícios, etapas de implementação e como obter o certificado. Confira!

O que é ISO 27.001?

A norma ISO 27.001 define o padrão internacional de gestão da segurança da informação, estabelecendo os requisitos para seu gerenciamento nas empresas, por meio de processos e controles. 

A ideia é assegurar um alto nível de proteção de dados e o regramento conta com a descrição das melhores práticas para garantir isso, além de servir como referência para a adequação de operações. 

homem de terno utilizando tablet e montagem com símbolo de proteção

A norma 27.001 funciona como um guia para adaptar os processos da empresa em função da segurança da informação.

Se aplicados, os parâmetros da ISO 27.001 propiciam os três pilares do conceito de segurança da informação: confidencialidade, integridade e disponibilidade. Esses aspectos são fundamentais para a privacidade e proteção de dados e também para a continuidade dos negócios

Seus requisitos podem ser certificados e acreditados. Alguns deles são: controles de acesso, criptografia, segurança de operações, gestão de incidentes e realização de backups

Por que aplicá-la?

A segurança da informação é essencial por vários motivos e a ISO 27.001 contribui como uma diretriz para sua garantia. Além disso, com a certificação, a norma é balizadora do nível de proteção de dados da corporação.

A adequação ao regramento também assegura a conformidade com legislações vigentes, como a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) brasileira e o Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados europeu, conhecido como GDPR.

Outro ponto beneficiado pela aplicação dos parâmetros é a elevação da confiança de clientes e parceiros, que sabem que seus dados estão realmente seguros no tratamento da empresa. 

dois homens de terno dando aperto de mão

Adotar os parâmetros da norma 27.001 contribui para a confiança dos clientes.

A diminuição de intercorrências ligadas à segurança da informação, como vazamentos ou indisponibilidade de dados, também é uma vantagem da ISO 27.001 e gera, consequentemente, uma redução de gastos pela organização. 

A governança corporativa e a gestão de riscos da empresa são outros aspectos impactados positivamente pela adoção das práticas descritas na norma.

Implementação da ISO 27.001

Para implementar a ISO 27.001, é preciso realizar vários procedimentos na empresa. A seguir, listamos os principais deles!

  • Contar com apoio da gerência e/ou diretoria;
  • Entender a implementação como um projeto;
  • Definir qual ou quais setores serão objeto do projeto de implantação;
  • Criar a política do Sistema de Gerenciamento de Segurança da Informação (SGSI);
  • Estabelecer uma metodologia e realizar a avaliação de riscos;
  • Elaborar a Declaração de Aplicabilidade com quais controles da norma serão aplicados;
  • Produzir o Plano de Tratamento de Risco;
  • Determinar métricas para controles;
  • Implementar controles obrigatórios descritos na ISO 27.001;
  • Preparar a equipe que operará o sistema de gerenciamento;
  • Iniciar a operação do sistema;
  • Documentar práticas;
  • Analisar e auditar a operação para encontrar possíveis gargalos;
  • Corrigir os problemas.

As etapas elencadas acima ajudam a nortear a implantação de um SGSI seguindo os parâmetros da norma e iniciar o processo de obtenção da certificação da ISO 27.001.

mulher analisando dados em computador

A implementação da ISO 27.001 demanda alguns processos.

Como obter a certificação?

Para validar a adoção dos parâmetros da norma, muitas empresas recorrem à certificação, embora ela não seja obrigatória para seguir os requisitos. 

O processo de conquista da autenticação envolve dois estágios. O primeiro é uma análise pela entidade certificadora do SGSI e dos documentos elaborados pela corporação, como a Declaração de Aplicabilidade, para a verificação de gaps, que deverão ser solucionados.

Já o segundo estágio consiste na avaliação formal, com auditorias in loco na corporação para validar se os parâmetros estão realmente sendo cumpridos e se estão em conformidade com o apresentado na documentação da primeira etapa. 

Caso a certificação seja obtida, iniciam-se, então, as visitas de supervisão, a fim de verificar se as condições continuam adequadas e para incentivar a melhoria dos processos. 

A ISO 27.001 é uma ótima ferramenta para as empresas elevarem o nível de segurança da informação e protegerem seus dados e dos clientes. Assim, é possível aumentar sua confiança e até reduzir os gastos da corporação. 

Para se aprofundar na temática da privacidade e entender como LGPD e nuvem se relacionam, clique no banner abaixo e baixe gratuitamente o e-book produzido pela ArtBackup

banner para e-book lgpd e nuvem

Índice

Aprofunde seu conhecimento com nossos e-books

DATASAFER
Av. Antônio Artioli, 570 - CJ 34, Swiss Park Office - Campinas/SP - CEP: 13049-900 CNPJ: 17.549.929/0001-77
Política de Privacidade | Termos de Uso